Skip to content

O que é uma Mandala

O que é uma mandala

Em algum momento já se deve ter deparado com um desenho em formato circular e muito colorido – mandala. Não se trata apenas de um desenho. É muito mais do que isso…

O que é uma mandala?

A palavra “mandala” vem do sânscrito e significa círculo. Para além da forma geométrica, refere-se também a um círculo sagrado ou mágico. É percepcionada como um símbolo de união com a vida e com o que nos rodeia, remetendo com o seu formato circular para a eternidade e para a ligação do homem com o cosmo.As mandalas usam geralmente símbolos, desenhos, cores, números e palavras. São usadas como objectos de decoração em todo o mundo e podem vibrar de fora para dentro ou no inverso. Facilmente nos prendem o olhar com as suas formas e cores, causando sensações de harmonia e paz.

De onde surgiram as mandalas?

O nascimento das mandalas é apontado no século VIII no Tibete, onde eram usadas como instrumentos de meditação. Estão ainda relacionadas com a cultura budista e hindu. No Oriente surgem relacionadas com rituais de cura, oração e meditação. No Ocidente, facilmente descobrimos mandalas nos vitrais das igrejas católicas ou na arte sacra do século XVI ao XVIII, onde assumiram especial relevo.

Utilização das mandalas na psicologia e meditação

A nível universal, a mandala é o símbolo da harmonia e integração. Muitos psicólogos usam as mandalas como método de terapia. Está provado que ajudam a fixar a concentração e aquietam os pensamentos. As cores usadas estão relacionadas com a psicologia das cores, corrente que afirma que cada cor é responsável por gerar determinadas emoções. Também são muito usadas em sessão de meditação já que remetem para o interior, ou seja, o próprio centro. Na decoração da casa ou do escritório, trazem a paz e harmonia ao espaço envolvente. De propriedades relaxantes, admirar uma mandala provoca alguma serenidade.

Tipos de mandalas e seus significados

Existem diferentes tipos de mandalas e seus significados dependem da classificação.

Classificação de acordo com o seu objetivo

  • Concentração: composta por um círculo central com vários outros círculos menores ao redor, usada para ajudar a concentrar a mente e a alcançar um estado meditativo.
  • Cura: composta por flores, plantas e animais, usada para trazer equilíbrio e harmonia para o corpo e a mente.
  • Transformação: composta por símbolos e imagens que representam mudanças e evolução, usada para ajudar as pessoas a se conectarem com seus desejos profundos e a alcançarem os seus objetivos.
  • Meditação: composta por símbolos e imagens que ajudam a acalmar a mente e a alcançar um estado meditativo.
  • Autoconhecimento: composta por símbolos e imagens que representam jornadas internas e descoberta de si mesmo, usada para ajudar as pessoas a se conhecerem melhor e a compreenderem os seus pensamentos e sentimentos.
  • Criatividade: composta por símbolos e imagens que representam a criatividade e a expressão artística, usada para ajudar as pessoas a se conectarem com sua criatividade e a expressarem os seus sentimentos e pensamentos de forma artística.
  • Harmonia: composta por símbolos e imagens que representam equilíbrio e harmonia, usada para ajudar as pessoas a encontrarem equilíbrio nas suas vidas e a alcançarem uma sensação de paz e harmonia.

Classificação de acordo com as suas cores

  • Vermelha: representa paixão, coragem e energia. É usada para ajudar as pessoas a se conectarem com sua força interior e a superarem medos e inseguranças.
  • Azul: representa calma, tranquilidade e equilíbrio. É usada para ajudar as pessoas a se acalmarem e a encontrarem paz interior.
  • Verde: representa crescimento, renovação e cura. É usada para ajudar as pessoas a se conectarem com sua natureza e a encontrarem equilíbrio e harmonia em suas vidas.
  • Amarela: representa sabedoria, iluminação e conhecimento. É usada para ajudar as pessoas a se conectarem com sua sabedoria interior e a encontrarem respostas para suas perguntas.
  • Roxa: representa mistério, espiritualidade e conexão com o divino. É usada para ajudar as pessoas a se conectarem com seu lado espiritual e a encontrarem respostas para questões mais profundas.
  • Branca: representa pureza, inocência e limpeza. É usada para ajudar as pessoas a se conectarem com sua pureza interior e a encontrarem paz e harmonia.
  • Preta: representa força, poder e proteção. É usada para ajudar as pessoas a se conectarem com sua força interior e a se protegerem de energias negativas.

Classificação de acordo com as suas formas

  • Circulares: representam a unidade e a perfeição, e são geralmente usadas para meditação e concentração.
  • Espirais: representam a evolução e o movimento cíclico da vida.
  • Estrelas: representam a conexão com o cosmos e a busca de orientação espiritual.
  • Florais: representam a beleza e a renovação da natureza.
  • Geométricas: representam a ordem e a harmonia, e são usadas para a meditação e a concentração.
  • Animais: representam os animais como seres sagrados e são usadas para conectar com a natureza e com o universo.
  • Deuses e deusas: representam a conexão com os deuses e deusas e são usadas para meditação e para se conectar com a espiritualidade.
  • Cristais: representam a pureza e a força, e são usadas para meditação e para limpar as energias negativas.

Esses significados são geralmente associados a estes tipos de mandalas, mas pode variar dependendo da cultura e tradição.

As mandalas têm um conjunto de propriedades e características que as tornam únicas. Desde o relaxamento e serenidade proporcionadas, até à energia positiva que emanam. Em qualquer cultura ou modo de utilização, está sempre relacionada com emoções positivas e nobres, de elevação espiritual.

Ter uma Mandala em casa ou aprender a desenhar e pintar pode fazer a diferença a muitos níveis. Podes descarregar mandalas para colorir na nossa secção gratuita com lindos desenhos. Experimente e comprove!

Além disso, se quiseres fazer um curso de mandalas, podes fazê-lo aqui.

Cookies